Seguro de vida mulher para se utilizar em vida

O mês de março chegou e com ele o Dia Internacional da Mulher. Uma data tão importante, que nos remete a marcos históricos da luta feminina e nos alerta também sobre cuidados à saúde.

Normalmente, as mulheres brasileiras tendem a se preocupar em fazer a mamografia a partir dos 40 anos. Mas, recentemente, foi divulgado um estudo pela Organização Mundial da Saúde (OMS) mostrando que mundialmente, o câncer de mama é o que mais mata mulheres na faixa de 20 aos 59 anos. A doença também atinge homens, mas estes casos representam 1% do total.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca) no ano passado foram estimados mais de 57 mil novos casos de câncer de mama no país. Apesar do aumento dos casos em mulheres mais jovens, ainda, a faixa entre 40 e 50 anos representa 74% dos casos. Por isso, a Sociedade Brasileira de Mastologia recomenda a realização da mamografia anualmente a partir dos 40.

O tratamento para a doença existe e o Ministério da Saúde oferece atendimento por meio do Sistema Único de Saúde – SUS. Além da prevenção, existem outras maneiras da mulher se precaver. Uma delas é através da contratação de um seguro.

O Seguro “Vida Mais Mulher”, que garante indenização para o tratamento da doença, foi criado para dar mais tranquilidade às mulheres que precisam enfrentar este difícil momento da vida. Além de receber uma indenização para o tratamento, cujo o valor também pode ser utilizado de outras maneiras, a segurada conta ainda com uma segunda avaliação médica e com ampla assistência 24h em viagens.

A indenização também é garantida para invalidez permanente total ou parcial, por acidente ou em caso de morte natural ou acidental. O seguro é destinado para todas as mulheres com idade entre 16 e 64 anos.

Quer saber mais? Agende um horário com um de nossos consultores e entenda como este seguro pode ajudar quando o assunto é a sua saúde.