Os investimentos mais indicados para 2018

Segundo especialistas, para 2018 é necessário ter cautela e preparo na escolha da sua carteira de investimentos, pois será um ano agitado, tanto na política quanto na economia. Mesmo com a taxa de juros em seu menor patamar histórico e com a economia começando a dar sinais de retomada ainda há expectativa de instabilidade por conta das eleições deste ano.

“Tudo aponta para um cenário de bastante volatilidade. Todos os anos de eleição costumam ser turbulentos, ainda mais esse, se considerarmos a maneira que o Brasil está conduzindo sua política. A definição de quem será o novo presidente é uma variável importante para todos os investidores”, explica José Carlos de Souza Santos, ex-Diretor de Cursos da Fipe e professor da FEA/USP à entrevista para o Finanças Femininas.

Se você ainda não possui aplicações e está procurando algum investimento para 2018, é importante lembrar de ter uma escolha inteligente e, para te auxiliar nessa escolha, separamos algumas dicas:

  • Identifique o seu perfil

Antes de escolher qual é o melhor investimento para confiar o seu dinheiro é essencial identificar qual é o seu perfil de investidor. Para isso, você pode fazer um teste de perfil e descobrir se você se encaixa como Conservador, Moderado ou Agressivo.

  • Descubra qual é o melhor investimento para o seu perfil

Cada perfil possui um tipo de investimento mais indicado, que é baseado na sua experiência com investimentos, com o destino do seu dinheiro, o prazo que terá disponível para deixa-lo rendendo e outros requisitos.

Para os Conservadores é indicado que procure investimentos de baixo risco e bom rendimento para diferentes objetivos e por isso a aposta ideal é nos investimentos pós-fixados, pois eles se adaptam de acordo com o mercado.

Os Moderados procuram encontrar um ponto de equilíbrio entre todos as opções de investimentos, por isso o fundo multimercado acaba sendo uma das melhores opções para esse perfil, já que depende da sua disponibilidade por correr determinado risco e a possibilidade de mudar o tipo de fundo multimercado escolhido.

Já os Agressivos buscam o máximo possível de retorno, mesmo que para isso seja preciso correr riscos maiores, por isso os investimentos de renda variável são os mais buscados por esse perfil, como: derivativos, fundos de ações, ações, fundos de mercados, entre outros. Mas, é importante ficar atento, pois, os riscos são potencializados nesses investimentos, ou seja, os ganhos são altos se tudo estiver favorável, mas por outro lado pode também aumentar as perdas caso o cenário se inverta.

  • Lembre dos 3 fatores para escolher o melhor investimento

Depois de descobrir o seu perfil de investidor e o tipo de investimento mais indicado, chega a hora de escolher o negócio que você aplicará seu dinheiro e para isso existem 3 fatores que devem ser levados em consideração neste momento:

  1. Segurança

É preciso que você analise com calma até que ponto deseja se arriscar. Normalmente, os investimentos com maior ganho tendem a ter menos segurança do que os que têm o menor ganho.

  1. Rentabilidade

Se manter informado sobre o quanto o investimento vai render ajuda entender se aquela aplicação vai atender as suas expectativas.

  1. Liquidez

A liquidez é o tempo mínimo determinado para o resgate de uma aplicação, ou seja, o tempo que seu dinheiro ficará rendendo.

Como este ano promete ser um ano de grande instabilidade para as ações e os juros, a dica é buscar diversificação com 2 ou mais ativos financeiros, desde que atenta todos os requisitos de seu perfil e suas condições. Algumas opções para este ano são:

 

Infografico Melhores Investimentos 2018

Caso você ainda não possua tanto conhecimento sobre o mundo dos investimentos, vale procurar um profissional especializado para te auxiliar na melhor escolha acompanhando a situação do mercado, assim você consegue aplicar seu dinheiro sem muitas preocupações.